More

    Conceitos básicos de Óptica Geométrica

     

    A Óptica é o ramo da Física que estuda fenômenos relacionados com a luz e é dividida em Óptica Geométrica e Óptica Física.

    Óptica é a parte da Física que estuda a luz e os fenômenos luminosos. Seu desenvolvimento ocorreu a partir da publicação da Teoria Corpuscular da Luz por Isaac Newton. Essa teoria admite que a luz é formada por um feixe de partículas.

    A luz é uma onda eletromagnética e a sua velocidade no vácuo é de aproximadamente 3,0 x 105 km/h.

    A Óptica, por sua vez, é dividida em:

    1) Óptica Geométrica: estuda os fenômenos luminosos com base em leis empíricas (experimentais). Eles são explicados sem que haja necessidade de se conhecer a natureza física da luz. A Óptica Geométrica usa como ferramenta de estudo a Geometria.

    2) Óptica Física: Estuda a natureza física da luz e fenômenos como interferência, polarização, difração, dispersão, entre outros.

    Raios de Luz

    São linhas que representam a direção e o sentido de propagação da luz. A ideia de raios de luz é puramente teórica e tem como objetivo facilitar o estudo.

    Um conjunto de raios de luz que possui uma abertura relativamente pequena entre os raios é chamado de Pincel Luminoso. O conjunto de raios luminosos cuja abertura entre os raios é relativamente grande é chamado de Feixe Luminoso.

    Os feixes luminosos ou os pincéis luminosos podem ser classificados em:

    • Cônico divergente

    Os raios luminosos partem de um único ponto (P) e espalham-se.

    • Cônico convergente

    Os raios luminosos concentram-se em um único ponto.

    Não pare agora… Tem mais depois da publicidade 😉

    • Cilíndrico

    Os raios luminosos são todos paralelos entre si. Nesse caso, a fonte de luz encontra-se no infinito e é chamada de fonte imprópria.

    Fontes de Luz

    As fontes de luz são corpos capazes de emitir luz, seja ela própria, seja refletida. Fontes de luz podem ser classificadas em:

    • Fontes de luz primárias: São fontes de luz que emitem luz própria. Elas podem ser:

    → Incandescentes: Quando emitem luz em altas temperaturas. Exemplos: o Sol, a chama de uma vela e as lâmpadas de filamento.

    O Sol é uma fonte primária de luz
    O Sol é uma fonte primária de luz

    → Luminescentes: Quando emitem luz em baixas temperaturas. As fontes de luz primária luminescentes podem ser fluorescentes ou fosforescentes.

    • Fluorescentes: emitem luz apenas enquanto durar a ação do agente excitador.
      Ex.: lâmpadas fluorescentes.

    Lâmpada fluorescente
    Lâmpada fluorescente

    • Fosforescentes: Emitem luz por um certo tempo, mesmo após ter cessado a ação do excitador. Nessas fontes de luz, a energia radiante é proveniente de uma energia potencial química. Ex.: Interruptores de lâmpadas e ponteiros luminosos de relógios.

    Bússola fosforescente
    Bússola fosforescente

    • Fontes Secundárias: São aquelas que emitem apenas a luz recebida de outros corpos.
    Ex.: Lua, cadeiras, roupas etc.

    A Lua é uma fonte secundária de luz
    A Lua é uma fonte secundária de luz

     

    Loader Loading...
    EAD Logo Taking too long?

    Reload Reload document
    | Open Open in new tab

    BAIXE O TRABALHO AQUI [87.96 KB]

    Latest articles

    Diego Maradona

    Função

    Custos – Contabilidade

    Previous articleO que é a Óptica
    Next articleO que é ano-luz?

    Trabalhos Relacionados