- Anúncio -

2) O que foi o Renascimento Cultural?
RESPOSTA: Renascimento Cultural é o Renascimento (ou Renascença) foi um período na história do mundo ocidental com um movimento cultural marcante na Europa, considerado como um marco do final da Idade Média e o início da Idade Moderna. Começou no século XIII na Itália e difundiu-se pela Europa no decorrer dos séculos XV e XVI. Além de atingir a Filosofia, as Artes e as Ciências, o Renascimento fez parte de uma ampla gama de transformações culturais, sociais, econômicas, políticas e religiosas que caracterizam a transição do Feudalismo para o Capitalismo. Nesse sentido, o Renascimento pode ser entendido como um elemento de ruptura, no plano cultural, com a estrutura medieval.
O Renascimento Cultural manifestou-se primeiro na Península Itálica, tendo como principais centros as cidades de Milão, Gênova, Veneza, Florença e Roma, de onde se difundiu para todos os países da Europa Ocidental. Porém, o movimento apresentou maior expressão na Itália. Não obstante, é importante conhecer as manifestações renascentistas da Inglaterra, Alemanha, Países Baixos, e menos intensamente, de Portugal e Espanha.

3) Quais os fatores que levaram ao seu desenvolvimento.

RESPOSTA: Essa valorização das ações humanas abriu um diálogo com a burguesia que floresceu desde a Baixa Idade Média. Suas ações pelo mundo, a circulação por diferentes espaços e seuímpeto individualista ganharam atenção dos homens que viveram todo esse processo de transformação privilegiado pelo Renascimento. Ainda é interessante ressaltar que muitos burgueses, ao entusiasmarem-se com as temáticas do Renascimento, financiavam muitos artistas e cientistas surgidos entre os séculos XIV e XVI. Além disso, podemos ainda destacar a individualismo da modernidade em voga.
A aproximação do Renascimento com a burguesia foi claramente percebida no interior das grandes cidades comerciais italianas do período. Gênova, Veneza, Milão, Florença e Roma eram grandes centros de comércio onde a intensa circulação de riquezas e ideias promoveram a ascensão de uma notória classe artística italiana. Até mesmo algumas famílias comerciantes da época, como os Médici e os Sforza, realizaram o mecenato, ou seja, o patrocínio às obras e estudos renascentistas. A profissionalização desses renascentistas foi responsável por um conjunto extenso de obras que acabou dividindo o movimento em três períodos: o Trecento, o Quatrocento e Cinquecento. Cada período abrangia respectivamente uma parte do período que vai do século XIV ao XVI.

4) Cite suas características.
Racionalidade
Dignidade do Ser Humano
Rigor Científico
Ideal Humanista
Ordens Arquitetônicas
Arcos de Volta-Perfeita

Simplicidade na construção
A escultura e a pintura se desprendem da arquitetura e passam a ser autônomas
Construções;palácios, igrejas, vilas (casa de descanso fora da cidade), fortalezas (funções militares)
Inicia-se o uso da tela e da tinta à óleo.
Perspectiva: arte de figura, no desenho ou pintura, as diversas distâncias e proporções que têm entre si os objetos vistos à distância, segundo os princípios da matemática e da geometria.
Uso do claro-escuro: pintar algumas áreas iluminadas e outras na sombra, esse jogo de contrastes reforça a sugestão de volume dos corpos.

- Anúncio -

5) Os principais artistas:
RESPOSTA: “Giotto di Bondone” (1266-1337) – pintor e arquiteto italiano. Um dos precursores do Renascimento. Obras principais: O Beijo de Judas, A Lamentação e Julgamento Final.

-Michelangelo Buonarroti- (1475-1564)- destacou-se em arquitetura, pintura escultura. Obras principais: Davi, Pietá, Moisés, pinturas da Capela Sistina (Juízo Final é a mais conhecida).

– Rafael Sanzio-(1483-1520) – pintou várias madonas (representações da Virgem Maria com o menino Jesus).

– Leornado Da Vinci-(1452-1519)- pintor, escultor, cientista, engenheiro, físico, escritor, etc. Obras principais: Mona Lisa, Última Ceia.

– Sandro Botticelli – (1445-1510)- pintor italiano, abordou temas mitológicos e religiosos. Obras principais: O nascimento de Vênus e Primavera.

6)A importância desse movimento para o desenvolvimento da sociedade.
RESPOSTA: As mudanças ocorridas na Europa, como o desenvolvimento do comércio e das cidades  e aexpansão marítima, foi acompanhada por um intenso movimento cultural.
Essas transformações faziam os europeus acreditarem  que viviam  em um novo tempo, muito diferente daquele que imperou durante toda a Idade Média. Por isso, os europeus dos séculos XIV ao XVI acreditavam estar presenciando o verdadeiro Renascimento.
Assim, em grande parte da Europa, começaram a surgir escritores e artistas preocupados em expressar os valores daquela “nova” sociedade. Em grande parte, essas atividades culturais eram financiadas por ricos comerciantes e banqueiros.

7) Conclusão
– Com esse trabalho sei que o renascimento cultural foi um período na história do mundo ocidental com um movimento cultural marcante na Europa, considerado como um marco do final da Idade Média e o início da Idade Moderna, e o que fez isso desenvolver foi a valorização das ações humanas abriu um diálogo com a burguesia que floresceu desde a Baixa Idade Média, com tudo isso tem certas características, conheci artistas famosos que fez parte do renascimento cultural como: Giotto di Bondone, Michelangelo Buonarroti, Rafael Sanzio, Leornado Da Vinci e Sandro Botticelli.O renascimento cultural de uma certa forma ajudou a sociedade.
8) Bibliografia

- Anúncio -