- Anúncio -

 

https://www.brasileiraspelomundo.com/wp-content/uploads/2014/04/POLOniaPascoa-e1488207756326.jpg

Páscoa pelo Mundo:

A Páscoa, sendo uma data cristã e universal, é comemorada pelo mundo. Mas cada país tem seus próprios costumes e uma maneira diferente de celebrar, com ritos que sejam pertinentes a sua cultura, seu clima e estilo de vida. Alguns não celebram oficialmente; outros são mais festivos, dando uma importância maior à data. E conhecer um pouco dessas diferenças, principalmente se tratando de uma data tão marcante para os cristãos, é bem interessante!

Nesse ano vamos colocar aqui algumas curiosidades sobre a celebração nos países das colaboradoras do blog, bem como o link de textos que foram publicados em anos anteriores para quem quiser se aprofundar mais nas tradições deste ou daquele país.

- Anúncio -

Vamos conhecer um pouco da Páscoa pelo Mundo?

Lembrem-se que tem mais informações sobre as celebrações no link que está no nome do país.

África do Sul – o costume é de as famílias viajarem juntas para alguma praia, na sexta feira tem que ter o Hot Cross Bun (pãozinho doce) e o pintinho é mais popular do que o coelhinho da Páscoa.

Alemanha – sabia que a tradição do coelho da Páscoa vem daqui? Esconder ovos de Páscoa nos jardins e quintais para as crianças procurarem na manhã de Páscoa é uma tradição bastante popular.

Áustria – aqui, o que faz sucesso são as feiras de Páscoa ao som de música clássica dos grandes mestres austríacos como Mozart. A brincadeira de chocar os ovos uns contra os outros para ver qual o mais resistente também é uma tradição no país.

Bélgica – por ser um estado laico, mas que teve o cristianismo na sua história, a Páscoa existe, mas hoje é vista mais como um feriado escolar e longo. As escolas costumam parar por duas semanas. O chocolate na forma de ovos, coelhos ou galinhas é a atração entre as crianças. Mas quem traz os ovos são os sinos das igrejas e não os coelhinhos!

Brasil – a Páscoa no Brasil todos conhecemos, mas vale a pena dar uma olhada nesse texto escrito pela Fabi, quando voltou ao Brasil depois de viver algum tempo no exterior. Ela escreveu um novo texto esse ano, veja aqui.

Canadá – a tradição maior entre as famílias é a pintura de ovos (ovos de galinha cozidos onde as cascas são decoradas) e a caça aos ovos, que é super popular entre as crianças.

Chile – as comemorações são muito semelhantes as do Brasil, com ovos, reunião da família, não comer carne na sexta-feira santa. Mas o que difere é uma festividade que acontece uma semana depois da Páscoa, que se chama Fiesta de Cuasimodo. Vale a pena conhecer esse costume, onde os sacedortes visitam as pessoas que não puderam confessar na Semana da Pascoa pois estavam doente ou possuem idade avançada.

China – oficialmente não há celebração da Páscoa. Para a grande maioria da população ela não tem sentido algum, já que eles não são cristãos.

Cingapura – esse é outro país que não celebra a Páscoa, não tem ovos de chocolate e nem mesmo decoração. Mas existe a Good Friday, na sexta-feira santa, que é feriado em razão dos cristãos que vivem no país.

SAM_1119 Muitos países do hemisfério Norte ligam a Páscoa com a entrada da primavera, e as flores estão presentes por todos os lados. Lindo!

Dinamarca – nesse país as cores oficiais da Páscoa são o verde e amarelo. Enfeita-se a casa com coelhos, ovos de porcelana e ovos de pata e galinha esvaziados e pintados, e flores da época. O ponto alto é a gækkebrev, uma brincadeira de adivinhação do nome do remetente numa carta em papel recortado com motivos pascais ou primaveris. Quem não adivinhar o nome do remetente tem que dar um presente pra quem enviou.

Espanha – aqui o ovo de chocolate não tem o status que conhecemos. A rabanada e o bacalhau são as comidas que não se pode faltar. Mas o forte mesmo na Espanha são as procissões organizadas por irmandades e confrarias, que se iniciam mais de uma semana antes da Páscoa. Na Espanha o dia de Páscoa somente não tem sentido, o que eles comemoram é a Semana Santa.

Estônia – os ovos de galinha pintados são o forte das comemorações e há brincadeiras e rituais para a pintura e o consumo deles. No domingo de Páscoa há a reunião da família para celebrar a ressureição de Cristo.

EUA /Nova Iorque–  as pessoas se fantasiam de coelho ou usam apenas um acessório, como por exemplo uma tiara com orelhas no domingo de Páscoa. É comum encontrar esses acessórios em qualquer loja de época.

Filipinas –  é uma data muito mais importante que o Natal e começa ser celebrada na quarta-feira de cinzas, quando inicia a quaresma e um período de penitência. Na Semana Santa o comércio abre somente meio dia e as emissoras de rádio e TV somente possuem programação religiosa. O silêncio é uma regra para todos; a comemoração é extremamente religiosa e alguns praticam o ‘flagelamento’.

Finlândia – nesse país o costume é receber a visita de ‘bruxas’ pedindo guloseimas (isso mesmo, qualquer semelhança, é mera coincidência) em troca de bençãos. Bem interessante!

Holanda – há o costume de se montar uma árvore da Páscoa, que é seca e enfeitada com coelhos, patos, pintinhos, laços, velas e flores. Os ovos de chocolate grandes não são comuns, e sim, ovos pequenos e marshmallows em forma dos animais usados para decorar a árvore. As guloseimas são escondidas pela casa ou jardim para que as crianças busquem no primeiro dia de Páscoa.

Inglaterra – os ingleses comem “hot cross bun” no café da manhã na Sexta Feira Santa e ovos cozidos no domingo de Páscoa. Para o almoço é muito popular comer carneiro. Porém nos dias atuais e com a quantidade de pessoas de outras nacionalidades e culturas, cada casa é um caso. Se consome muito bacalhau  entre os brasileiros e portugueses, por exemplo. Ovos de Páscoa estão ficando cada ano mais popular nos supermercados e as crianças fazem “egg hunt”, que é procurar pelos ovinhos de chocolate, deixados pelo coelhinho.

Itália – nesse país a Páscoa, além da religião, está ligada ao primeiro despertar da natureza, como motivo de agradecimento pelo início dos primeiros frutos do campo depois do final do inverno. A principal refeição é o café da manhã do domingo de Páscoa e onde as crianças têm que achar seus ovos de chocolate.

Japão – também é um país não cristão. Esse grupo só representa 1% da população, mas mesmo assim existe a comemoração nessa comunidade e entre os grupos de estrangeiros que vivem no país.

México – O mexicano, apegado à tradições, celebra a Páscoa como manda a religião. Desde a conquista dos espanhóis são extremamente católicos e o caminho de Cristo até sua ressurreição é revivido com muitas festas, nada de carne vermelha e algumas procissões. Chocolate, coelhos e outros simbolos são completamente ignorados por eles.

Noruega – a celebração é bem inusitada: eles têm o costume de se entreter com crimes. Mistérios, em geral. É o que eles chamam de “Påskekrim”. Mas ninguém comete nenhum, não. Os romances e histórias de suspense é que ficam em alta nessa época.

Polônia – esse povo segue a tradição à risca e iniciam um jejum de 6 semanas durante a quaresma, abstendo-se de bebidas alcoólicas, carne, doces e alguns hábitos cotidianos como penitência. Eles também pintam os ovos de galinha, mas é uma reunião familiar e tem todo um ritual para isso, que começa na sexta feira santa.

Portugal –  O país é majoritariamente católico e a Páscoa é tão celebrada como o Natal. Uma das tradições que acontece no Domingo de Páscoa no Norte de Portugal é o “Compasso” que, segundo a história, é uma tradição medieval. No compasso o padre junto com alguns paroquianos visitam as famílias que os recebem com comidas, bebidas e uma doação para a paróquia. Comer amêndoas com cobertura colorida ou de chocolate é o mais tradicional. Hoje em dia já há ovos de chocolate à venda mas importantes mesmo são as amêndoas.

Suécia – ovos de chocolate e coelhinhos de pêlo branquinho? Não, o negócio nesse país são as galinhas e seus pintinhos e embalagens que têm a forma de ovo, mas repletas de guloseimas (balas, jujubas…).

Suíça – aqui os ovos também são os pequenos, e são escondidos para a busca das crianças. Grandes mesmo são os tradicionais coelhos de chocolate que todas as marcas suíças fazem e chocolate suíço é tudo de bom! As tradições religiosas são praticamente as mesmas do Brasil, mas na segunda-feira depois da Páscoa também é feriado.

Com um pouco das tradições de Páscoa de alguns países, desejamos a vocês que seguem o Brasileiras pelo Mundo uma Páscoa de muita luz. Mais que tudo, que seja um momento de reflexão, renovação da energia e do entusiasmo pela vida!

 

- Anúncio -