- Anúncio -

 

rosa_ventos

A necessidade de localização e orientação no espaço geográfico tornou-se uma das principais preocupações da sociedade. Quando andamos em uma cidade em direção a um local onde nunca fomos, sempre procuramos informações sobre as proximidades e os pontos de referências para se chegar ao destino desejado. Porém, quando uma pessoa está em alto mar ou no meio do deserto, não existem pontos de referência para se localizar no espaço.

Ao longo da história da humanidade, foram desenvolvidas diversas técnicas de localização e orientação. Foi percebido que o Sol, por exemplo, nasce sempre no mesmo lado do horizonte e se põe do lado oposto. A partir desta observação foram criadas as direções de E – Leste (onde o Sol nasce ou oriental) e W – Oeste (onde o Sol se põe ou ocidental); logo depois, difiniu-se o N – Norte (setentrional ou boreal) e o S – Sul (meridional ou austral).          Definidas estas direções, foi criada a rosa dos ventos, composta por um disco graduado de 0º a 360º, sendo dada uma volta completa no horizonte (como o ponteiro de um relógio), com a finalidade de orientação com ou sem pontos de referência, por exemplo.

Nela estão registrados os pontos cardeais (N, S, E e W), colaterais (NE, SE,SW e NW) e subcolaterais (NNE, ENE, ESS E, SS E, SS W, WSW, WNW e NNW).

- Anúncio -

Coordenadas Geográficas

hjk

Na tentativa de solucionar a questão da localização, foi sendo desenvolvido, ao longo dos tempos, um conjunto de linhas imaginárias, traçadas sobre a esfera da Terra nos sentidos Norte Sul e Leste Oeste,formando um quadriculado a partir do cruzamento destas linhas, ou seja, uma rede geográfica de localização com o objetivo de se ter a localização exata de qualquer ponto na superfície. Essas linhas imaginárias foram denominados de paralelos e meridianos, sendo medidas em grau, minuto e segundo. (Ex.: Trópico de Câncer 23º 27’ N)

Paralelos: definem as diferentes latitudes, são linhas que têm como parâmetro a Linha do Equador (0º), partindo em 90º ao Norte e ao Sul, marcando a distância entre os polos. Os paralelos delimitam, por exemplo, as zonas climáticas da Terra (zonas quentes, temperadas e glaciais).

Meridianos: definem a longitude, são linhas que têm como referência o Meridiano de Greenwich (0º), partindo em 180º para Leste e para Oeste, convergindo para os polos norte e sul. A interseção entre os meridianos e paralelos dáse em um ângulo reto. É, com base na localização dos meridianos, que foram criados os fusos horários, sendo omeridiano de Greenwich a referência da hora mundial.

downloadjk

- Anúncio -