CADEIA DE SUPRIMENTOS E LOGÍSTICA DO PETRÓLEO

0
33

 

Objetivo Identificar elementos da logística de petróleo offshore Comparar as práticas logísticas do Brasil, Noruega, Golfo do México e Arábia Saudita Cadeia de Petróleo Upstream Cadeia de Suprimentos Upstream Logística? Plataforma seja de produção ou de perfuração, ou um barco de operações especiais, precisam além dos insumos do processos, energia, água e alimentos em grande quantidade. Numa plataforma podem trabalhar150 profissionais Imbetiba em Macaé tem uma estação de tratamento de água para atender a Bacia de Campos Precisam ser transportados alimentos, equipamentos e insumos (tubos, produtos químicos, equipamentos e ferramentas) em embarcações, além de pessoas Logística de Petróleo Offshore Projeto de rede: número e tipos de instalações, localização e distribuição Estoque: previsão de demanda, programação de abastecimento, armazenagem, manuseio e embalagem Transporte: escolha dos modais, roteirização e programação dos veículos e consolidação dos fretes. Fluxos de Materiais e Informação na Cadeia Offshore Cadeia Logística Offshore do E&P Plataformas Offshore Tipos de Plataformas Comparação entre diferentes tipos de Plataformas FPSO FPSO – Petrobrás Interligação Submarina Bases de Apoio Offshore Serviços em uma base de apoio Bases de Apoio de Referência Porto Fourchon na Luisiana (EUA), principal base do Golfo do México, com 300 berços e área superior a 9500 m2. Porto de Peterhead em Aberdeen na Escócia com 30 berços Aker Vestbase na Noruega. Modais Rodoviário Naval Dutoviário Petroleiros Navios de pesquisa sísmica Embarcação de Prontidão Combate a Incêndio e SOS Navio de Lançamento de Linha Navio de suporte ao Mergulho Navios de Reboque e Manuseio Navio de Suprimentos de Plataformas (Platform Supply Vessel – PSV) Platform Supply Vessel (PSV) Planejamento das operações de abastecimento Demanda por embarcações é elevada e irregular Carregam carga somente ao nível do convés Obedecem prioridades e restrições operacionais das plataformas Capacidade limitada das embarcações e das instalações portuária Afetado por fatores estocástico como condições climáticas e ambientais. Suprimentos para Plataformas Carga geral: toda carga carregada no convés das embarcações – rancho, tubos, produtos químicos e carga geral comum. Granéis Líquidos: armazenados em tanques no porão das embarcações – água, diesel marítimo, fluídos para poços, parafina e salmoura. Granéis sólidos: armazenados em tanques no porão das embarcações – cimento, baritina e bentonita. Equipamentos para poços e sistemas submarinos de produção – cabeça de revestimento, arvore de natal, manifolds Transporte de Arvore de Natal Molhada Produtos na Cadeia de Petroleo Upstream Serviços na Cadeia de Petróleo Suprimentos para Plataformas Na perfuração: baritina, bentonita, mas processo sujeito a imprevistos com demanda incerta e pedidos de urgência. Na produção: demanda mais previsível, consumindo principalmente produtos de rancho e químicos. Materiais mais comprados em 2004 Maiores Compras em 2004 ($) 36 Cadeia de Valor Upstream Midstream Downstream Petroquímica Petróleo Óleo Cru/ Gás Natural Gás/GLP Condensado Aromáticos Nafta Gasolina/Diesel/OC Óleo Básico Asfaltos Resinas Borrachas Fertilizantes Solventes Explosivos Químicos Combustíveis Lubrificantes E&P Logística Manutenção Produção Subsea Perfuração/Fluidos Estaleiros/Canteiros Projetos/EPC Sísmica/G&G Logística Manutenção Química/Processos Projetos/EPC Visão Geral Simplificada Matriz de Valor do Petróleo|Suportes e Fluxo Distribuidoras/ Postos Refino/ UPGN Fluxos da Cadeia de Valor Suportes da Cadeia de Valor Serviços Especializados Atividades Principais Produtos de Petróleo Logística Manutenção Química/Processos Projetos/EPC Práticas Logísticas Mapear as práticas logísticas na exploração e produção de petróleo offshore Brasil: Petrobrás Golfo do México: Shell Noruega: Statoil Arábia Saudita: Saudi Aramco Campos do Brasil Pinho, 2015 Cobertura Logística da Petrobrás Pinho, 2015 Cobertura Logística da Petrobrás Pinho, 2015 Bacias de Campos e Santos Pinho, 2015 Bacias de Campos e Santos Pinho, 2015 Pinho, 2015 Blocos Exploratórios Serviços de E&P Pinho, 2015 Logística da Petrobrás Pinho, 2015 Logística Aeroportuária Logística Marítima de Carga Bases de Apoio Petrobrás Logística E&P Petrobrás Logística E&P Resultados da PEOLOG Fronteiras do Golfo do México Plataformas no Golfo do México Dutos no Golfo do México Centros Logísticos no Golfo México Regiões Offshore na Noruega Bases de Apoio da Norsea Group AS Dutos na Noruega Campos da Arábia Saudita Dutos da Arábia Saudita Hub Offshore Flutuante: Porto de Tanajib Fast Crew Supply Vessels Comparação entre Brasil, GoM, Noruega e Arábia Saudita Desafios para a Cadeia de Suprimentos do Petróleo Setor com atuação global Cadeia inflexível e complexa Inúmeros fornecedores Lead time longo de transporte Limitação dos modais utilizados Modais lentos e longa distância entre parceiros, alto custo de transporte e estoque em trânsito, para carregar estoque, e do estoque de segurança

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.